Palavras poderosas

Resultado de imagem para saudades do meu pai
Meu pai sempre dizia que que não poderia contar comigo em sua velhice. Dizia que eu o abandonaria e também a minha mãe quando ficassem velhos. Eu ficava muito triste quando ele dizia isso. Agora aos cinquenta anos é que pude compreender porque ele agia daquela forma. Ele faleceu ainda jovem, antes de completar cinquenta anos, tinha a pressão muito alta, não precisou de minha assistência. Mas minha mãe adoeceu vinte anos depois. Teve sequelas gravíssimas e sempre precisou de ajuda. Nunca abandonei minha mãe. Talvez eu nunca tenha feito muito para ajudá-la. Acredito que eu faço o que está dentro de minhas capacidades, meus limites. Mas agora sei porque meu pai falava daquela forma comigo. Ele me forçava a reagir. Fiquei anos sofrendo com aquelas palavras me sentindo um injustiçado. Só hoje consigo entender sua sabedoria. Se não tivesse me dirigido palavras tão duras talvez realmente eu os tivesse abandonado. Pai me desculpe! Eu estou aqui!
J.D. Araujo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque

Uma Resposta

Somos a resposta exata do que a gente perguntou Entregues num abraço que sufoca o próprio amor Cada um de nós é o resultado da união De ...