Velhos Hábitos

E se existem mortos de que devemos ocupar-nos, não são os do cemitério, mas aqueles que estão escondidos no nosso foro interior: os nossos velhos hábitos e as nossas velhas concepções errôneas. São estes mortos que há que procurar, para se acabar com eles. 
(Aivanhov)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque

Quanto é necessário para ser feliz?

Não é preciso nascer em berço de ouro ou ganhar na loteria para compor reservas. A maior necessidade reside em escolher um padrão de vida c...