Violetas na janela

Se tudo na vida é relativo,
Relativa também é a idéia
Que cada um faz da felicidade.
Para uns, felicidade é
Dinheiro no bolso,
Roupa nova no armário.
Para outros, a felicidade
Representa o sucesso,
A carreira brilhante
Para outros tantos,
Ser feliz é conhecer o mundo,
Ter um conhecimento profundo
Das coisas da Terra e do ar.
Mas para mim, ser feliz é ser gente,
É Ter vida,
Que como dizia o poeta:
“É bonita, é bonita, é bonita...”
Felicidade é a família reunida,
É viver sem ter chegada, nem partida
É sonhar, é chorar, é sorrir...
Felicidade é viver cercado de gente
É plantar amizade, é o calor
É acordar às cinco da matina,
Depois de ter ido dormir
Às três da madrugada,
Com sono e pra lá de cansado,
Só para dar uma pontinha
Da cama, pro filho dormir.
Ser feliz é ver todo dia
Um sorriso de criança,
É música, é dança
É a paz, é o prazer
De descobrir a cada dia
Que a vida se inicia novamente,
A cada amanhecer.
Ser feliz é ter violetas na janela,
É chá de maçã com canela,
É pipoca na panela,
E um CD bem méla-méla,
Para esquentar o coração.
Ser feliz é curtir o sol radiante,
Frio aconchegante,
Chuvinha ou temporal.
Ser feliz é enxergar
O outro (e sabe lá quantos outros,que cruzam nossa estrada).
Ser feliz é fazer da vida,
Uma grande aventura,
A maior loucura,
Um enorme prazer.
(Autor Desconhecido)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque

Uma Resposta

Somos a resposta exata do que a gente perguntou Entregues num abraço que sufoca o próprio amor Cada um de nós é o resultado da união De ...