segunda-feira, 11 de junho de 2012

Se Eu Pudesse...


Se eu pudesse pedir para você voltar eu faria.
Se eu pudesse implorar para você voltar não o faria.
Pois quem pede dá a liberdade de ir;
mas quem implora, aprisiona.
 Não vou implorar, pois o verdadeiro amor liberta, deixa ir e
continua a querer bem.
 Por isso continuarei te amando, mesmo que voe.
Pois sei que ninguém é de ninguém.
Triste ficarei... por alguns dias... afinal a tristeza é o avesso da alegria;
da mesma alegria que sentiria com a sua volta.
Mas a vida é assim... feita de encontros e despedidas.
Você levou um pouco de mim.
Eu fiquei com um pouco de você.
Somos pessoas melhores por isso.
Hoje, meu coração está aberto ao seu amor.
Amanhã, não sei.
Não porque deixarei de te amar.
 (É impossível deixar de amar alguém que se amou um dia.)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque

Eu amarei a luz...

“Eu amarei a luz porque ela me mostra o caminho.  Contudo, eu suportarei a escuridão pois ela me mostra as estrelas.” (Og Mandino) Og Mandin...