sábado, 15 de março de 2014

As rosas e o jardineiro

Para as rosas, escreveu alguém, o jardineiro é eterno. 
(Machado de Assis)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque

O mesmo destino para todos

A mesma coisa acontece aos homens bons e aos perversos. A morte é muito democrática; há uma para todos.