Para meus filhos...

"Eu não tive filhos com a intenção de ser cruel. Dei o melhor de mim de acordo com a minha habilidade e nível de compreensão. Assim, meus filhos, vocês precisam ver minhas ações com compaixão, dando-se conta de que, se eu fiz algo errado foi porque eu, assim como vocês, não sou perfeito."
Compilado e adaptado do livro "Mudança de Perspectiva - Ensinamentos Budistas Sobre a Bondade" de Jigme Tromge Rinpoche, págs 16/17 - Editora Makara.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque

Quanto é necessário para ser feliz?

Não é preciso nascer em berço de ouro ou ganhar na loteria para compor reservas. A maior necessidade reside em escolher um padrão de vida c...